25/09/2021 às 06h48min - Atualizada em 25/09/2021 às 06h48min

Leilão do 5G será em novembro e deve movimentar R$ 49,7 bilhões, diz Anatel

G1
G1
O Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou hoje a versão final do edital do 5G , a nova geração de internet móvel. O leilão das faixas de frequência está marcado para 4 de novembro. A previsão do governo é que o 5G comece a ser ofertado no país até julho de 2022 (inicialmente nas capitais). No leilão, que deve movimentar R$ 49,7 bilhões , serão oferecidas às operadoras de telefonia quatro faixas de frequência: 700 MHz, 2,3 GHz, 3,5 GHz e 26 GHz. As faixas funcionam como "avenidas" no ar para transmissão de dados. É por meio delas que o serviço de internet de quinta geração será prestado.

Além disso...

As empresas vencedoras do leilão terão de arcar com algumas contrapartidas:

1️⃣

1️⃣

 disponibilizar 5G em todas as capitais do país até julho de 2022;

2️⃣

2️⃣

 levar internet 4G às rodovias do país;

3️⃣

3️⃣

 migrar o sinal da TV parabólica, para liberar a faixa de 3,5GHz para o 5G;

4️⃣

4️⃣

 construir uma rede privativa de comunicação para a administração federal;

5️⃣

5️⃣

 instalar uma rede de fibra óptica, via fluvial, na região amazônica;

6️⃣

6️⃣

 e levar internet móvel de qualidade às escolas públicas de educação básica. O plano de conectividade será desenvolvido pelo Ministério da Educação e depois executado e custeado pelas operadoras vencedoras da faixa de 26GHz.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://magoonews.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp