14/09/2021 às 09h33min - Atualizada em 14/09/2021 às 09h33min

A ministra do STF, Cármen Lúcia negou o pedido para que o advogado Mário Tolentino não comparecesse à CPI da Pandemia

Meio
Meio

A ministra do STF, Cármen Lúcia negou o pedido para que o advogado Mário Tolentino não comparecesse à CPI da Pandemia e ainda manteve a sua condução coercitiva. Ele é apontado como “sócio oculto”" do FIB Bank, empresa que ofereceu fiança para a negociação suspeita entre a Precisa Medicamentos e o Ministério da Saúde para compra da vacina indiana Covaxin. Quem também será forçado pela Justiça a depor é o lobista Marconny Albernaz de Faria, tido como intermediário da Precisa. (G1)

A investigação de Faria preocupa particularmente o Planalto. Vídeos e fotos apreendidos na casa dos lobistas mostram uma relação estreita com a família Bolsonaro, com direito a churrascos e passeios de lancha. (Folha)

E o TCU suspendeu o auditor Alexandre Figueiredo Costa Silva Marques, acusado de ser o autor de um documento paralelo que colocava em dúvida o número de mortes por Covid-19 no Brasil. Rejeitado pelos técnicos do tribunal, o documento informal reapareceu, num papel timbrado da Corte, nas mãos de Jair Bolsonaro, que o utilizou para atacar governadores. (Globo)


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://magoonews.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp