Magoo News Publicidade 1200x90
03/12/2021 às 16h48min - Atualizada em 03/12/2021 às 16h48min

Cultura + -Cotidiano Digital

De 03 a 10 de Dezembro

Meio
Meio

Cultura

Se em 2019 a Bienal Livro deu o que falar pela homofobia do então prefeito Marcelo Crivella e pela resistência do público e dos autores, a 20ª edição da festa, que começa hoje e vai até o dia 12, traz as marcas da diversidade e do reencontro. Mas a ideia não é colocar os autores em caixinhas temáticas. Uma mesa apenas com autores negros não tem como tema o racismo, e escritores LGBTQIAP+ estão presentes em 80% das mesas, embora só duas tratem do tema. Por conta da pandemia, o evento está menor, ocupando dois galpões do Rio Centro e tendo parte dos debates feita remotamente. Os ingressos são vendidos apenas pela internet e é necessário usar máscaras e apresentar comprovante de vacinação para entrar. Confira a programação. (Globo)


A comunidade geek vai à loucura! Será aberta amanhã, em São Paulo, a Comic Con Experience (CCXP) 2021, parada obrigatória para os amantes de ficção científica, fantasia, quadrinhos, animes, cosplay e muito mais. Nesta edição, a homenagem principal vai para a cartunista Laerte, que completou 70 anos. Entre os convidados estão Álvaro Morte, o Professor de La Casa de Papel, e Jim Davis, criador do Garfield, que vai bater um papo sobre quadrinhos com Maurício do Souza. Mas a cereja do sundae vai ser o painel da Warner no domingo, com a presença de alguns dos astros de Matrix Resurrections (trailer), encabeçados pelo próprio Neo, Keanu Reeves. Veja a programação. (Folha)

Sob a direção de William Coelho, o Coro da Osesp canta hoje obras dos franceses Francis Poulenc e Lili Boulanger. Amanhã, Fabio Mechetti e a Filarmônica de Minas Gerais vão de Villa-Lobos a John Adams. No domingo, a Sinfônica Heliópolis recebe a pianista Sylvia Thereza em programa com peças de Rachmaninoff e Dvorák.Confira os destaques da agenda cultural.

A cultura periférica carioca será celebrada ao longo do fim de semana no Escuta Festival, transmitido pelo Instituto Moreira Salles. Veja a programação.
 

Cotidiano Digital

Pois é… Demorou até que o Facebook começasse a estudar políticas de combate ao racismo. Foi só após o assassinato de George Floyd nos Estados Unidos e o movimento Black Lives Matter ganharem projeção global, que a companhia decidiu estudar ações para evitar a normalização do racismo e melhorar a experiência de pessoas negras na plataforma. Entretanto, a realidade da Meta é outra: falta de dados raciais e ações concretas. Além disso, a rede social teria detectado vídeos virais nocivos de brutalidade policial e “discriminação algorítmica". As informações são de relatos de funcionários registrados em documentos internos de 2020 e 2021. Os relatórios estão nos chamados Facebook Papers, documentos fornecidos ao governo dos Estados Unidos pela ex-funcionária Frances Haugen. (Folha)

Depois do Google, foi a vez da Apple destacar os aplicativos e games das lojas de apps de suas plataformas. A empresa divulgou ontem a lista com os apps e games para iPhone e iPad favoritos da empresa durante o ano de 2021. O App Store Award acontece todo fim de ano há uma década e destaca as novidades lançadas para iPhone, iPad, Mac e Apple Watch. (Estadão)


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://magoonews.com.br/.
Magoo News Publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp