12/11/2021 às 11h49min - Atualizada em 12/11/2021 às 11h49min

Café com Cultura

Cinema,Livros,Discos,Séries,Dança....

Bravo
Bravo

ATIVIDADES PRESENCIAIS

O Museu da Língua Portuguesa inaugura hoje a exposição Sonhei em Português!, cuja curadoria de Isa Grinspum Ferraz celebra a migração como direito humano. Na segunda, a Pinakotheke Cultural São Paulo abre a mostra Lygia Clark (1920-1988) 100 anos, com cerca de 100 obras da artista, incluindo pinturas e esculturas.

Paulo Pasta exibe na quinta, na Galeria Millan, a individual Correspondências, que é acompanhada pela publicação dos diálogos do artista com o curador Ronaldo Brito. E na mesma galeria fica em cartaz até 18 de novembro a mostra Peter Halley: Novas Pinturas, primeira individual do artista norte-americano no país. E já podem ser vistas a coletiva Color Blind, na Kogan Amaro, e as estreias individuais de Teresa Viana e Laura Villarosa na Zipper.

Em um registro mais pop, vale conferir a exposição itinerante UNI, com retratos de Alexandre Orion, em cartaz até 5 de fevereiro em estações de metrô de São Paulo. Neste mês ela está na Estação República.

Está em cartaz no Theatro Municipal de São Paulo a ópera The Rake’s Progress, de Stravinsky, em montagem regida por Roberto Minczuk e direção compartilhada por Maria Thais e Julianna Santos.

No Rio de Janeiro, o MAM abre amanhã a individual América, da goiana Sallisa Rosa, dentro do projeto Supernova, que promove jovens artistas. Um conjunto de obras inéditas do artista Eduardo Sued compõem a mostra dupla Ousadias Cromáticas, que ocupa as galerias Danielian e Cassia Bomeny.

Nota dos editores: Lembre-se de agendar a visita ou comprar seu ingresso com antecedência, além de utilizar máscaras seguras, conservar distância das outras pessoas e levar álcool em gel. Não se esqueça, também, de verificar se os locais exigem comprovante de vacinação contra a Covid-19 na entrada.


DAS NOVAS PLASTICIDADES NEURAIS

Em crítica, Renato Gonçalves estabelece um diálogo entre os recém-lançados Meu Coco, de Caetano Veloso, e Delta Estácio Blues, de Juçara Marçal: “Ambos os discos parecem trabalhar sob a insígnia de uma nova forma estética fomentada pelas transformações cognitivas com as complexas e pulsantes redes informacionais e midiáticas que nos circundam e nos emaranham.”


DECASSÍLABOS DUVIVIER

Na coluna da semana, Carlos Castelo indica quatro lançamentos de livros de poesia, com destaque para os Sonetos de Amor e Sacanagem, tratados por Gregório Duvivier “com a pena da galhofa e a tinta da ironia”.


LIVROS

Banzeiro Òkòtó: Uma Viagem à Amazônia Centro do Mundo, Eliane Brum (Companhia das Letras)
Baseada desde 2017 em Altamira, a jornalista e documentarista registra, em um misto de relato pessoal e investigação jornalística, a escalada da devastação da floresta amazônica.

A Família Medeiros, Júlia Lopes de Almeida (Carambaia)
Publicada como folhetim em 1891, a história de amor e conflito no seio de uma família, numa fazenda de Campinas, foi uma das pioneiras na denúncia do patriarcalismo, aqui conectada com a oposição entre abolicionistas e escravistas.

Autobiografia do Vermelho: Um Romance em Versos, Anne Carson (Editora 34)
A poeta, crítica de arte, tradutora e helenista canadense recorre a diversos gêneros literários para transpor para os tempos atuais o mito grego de Gerião, o monstro vermelho abatido por Hércules em seus 12 trabalhos.

Vento Vadio: As Crônicas de Antônio Maria, Antônio Maria (Todavia)
Organizada por Guilherme Tauil, a edição reúne 185 crônicas, a maioria delas nunca publicada em livro, dispersa em veículos de imprensa. Entre os temas, a boemia do Rio de Janeiro dos anos 50, a gastronomia e o futebol.


DISCOS

Um, Pedro Sá (Balaclava Records)
Um dos guitarristas mais inventivos em atividade mostra seu lado compositor. No centro dessas canções está o samba em seus diferentes matizes, do samba-canção à bossa nova, mas transformado pela guitarra, pelos efeitos e texturas, sem exibicionismo. A música dá sentido às letras com exatidão e criatividade.

Shade, Grouper (Kranky)
A música de Liz Harris é enganosa. Neste álbum ela lida com a estrutura clássica das canções. A questão é que ela parte da simplicidade para fazer algo complexo, escondendo a estrutura em ruídos gentis e interferências, fazendo com que o ouvinte tenha de intuir as canções, quase como se através de um rádio cheio de estática.

I Don't Live Here Anymore, The War on Drugs (Atlantic)
De certa maneira, a banda inventa pouco, mas trabalha muito bem dentro de uma ideia de narrativa roqueira, levemente psicodélica, numa tradição que entra e sai de foco desde o fim dos anos 60. Neste quinto disco, Adam Granduciel está mais agudo, mais melódico até, e entrega o ciclo de canções mais potente da banda até hoje.

Rainbow Glasses – Remixes of Jupiter, Riegulate (Hominis Canidae Rec)
O mais legal nessas nove faixas que reinventam o álbum Jupiter, do americano radicado em João Pessoa, é a variedade de ideias que os nove projetos brasileiros vindos do Nordeste e do Centro-Oeste aportam. Ponto para Hanni Palector, Amaro Mann, Big Jessi, Nevi Lunes, Normas ABRC, Mind Movies, Iuri Gagarin e between2d.


FILMES

Charuto de Mel, Kamir Aïnouz (Cinemas)
Exibido em Veneza, o filme de estreia da diretora franco-argelina adota o ponto de vista de Selma (Zoé Adjani), jovem cujos desejos se chocam com as tradições de sua família argelina na França dos anos 90.

7 Prisioneiros, Alexandre Moratto (Netflix)
O ator Christian Malheiros volta a colaborar com o diretor de Sócrates, agora no papel de Mateus, que chega do interior a São Paulo e se vê preso a um esquema de tráfico e exploração de pessoas comandado por Luca (Rodrigo Santoro).


SÉRIES

O Psiquiatra ao Lado, Georgia Pritchett e Michael Showalter (Apple TV+)
Baseada no podcast The Shrink Next Door, a comédia explora a relação abusiva do doutor Isaac Herschkopf (Paul Rudd) com Martin (Will Ferrell), seu paciente de longa data. Os três primeiros episódios foram disponibilizados hoje.

Merlí: Sapere Aude, Héctor Lozano (HBO Max)
A produção espanhola segue o jovem Pol Rubio (Carlos Cuevas), que entra na universidade para seguir os passos de Merlí, seu professor de filosofia no colégio – e protagonista da série que originou esta spin-off. Primeira temporada disponível.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://magoonews.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp