Magoo News Publicidade 1200x90
28/10/2021 às 07h43min - Atualizada em 28/10/2021 às 07h43min

Lira buscou CPI para alertar sobre deputados bolsonaristas em relatório

Lira decidiu fazer um discurso crítico à CPI para sinalizar aos deputados próximos de Bolsonaro que ficou contrariado

Caio Junqueira
https://www.cnnbrasil.com.br

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), telefonou ontem duas vezes para o presidente da CPI da Pandemia, Omar Aziz, para alertar que a inclusão dos nomes dos deputados bolsonaristas no relatório final da comissão abriria um precedente e que ele reagiria se isso ocorresse.

A informação foi confirmada à CNN pelo presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM). De acordo com ele, o debate foi levado para os integrantes do grupo majoritário da CPI, o G-7, que conduziu os trabalhos da comissão e aprovou o relatório final. A conclusão é de que não havia risco jurídico na inclusão.
 

“[Arthur] Lira me ligou, mas nunca disse que tinha que retirar [nomes]. Ele disse que ‘há um precedente’. Eu respondi que deveria conversar com os membros da CPI para saber o que fazer. No dia da votação do relatório ele me ligou de manhã, eu falei pra ele que ia ter o intervalo, que os parlamentares iam no meu gabinete e a gente iria conversar. Ele nunca disse que tinha que tirar [nome dos deputados]. De forma muito elegante falou comigo. Eu disse que ia conversar com o pessoal e dava uma posição para ele”, disse Aziz à CNN.
 

Após a ligação, Lira decidiu fazer um discurso crítico à CPI (assista abaixo) para sinalizar aos deputados, todos próximos de Bolsonaro, que ficou contrariado. Agora, avalia ir ao Supremo Tribunal Federal para questionar a constitucionalidade da inclusão dos nomes dos deputados. A Advocacia da Câmara já estuda o caso e poderá entrar com um mandado de segurança ou com uma reclamação no STF.
 

Além do debate jurídico em si sobre a possibilidade de deputados serem alvo de indiciamento por senadores, os deputados bolsonaristas temem estar na mira novamente do procurador-geral da República, Augusto Aras. Consideram que Aras foi duro contra eles na condução do inquérito dos atos antidemocráticos.
 

Por 7 votos a 4, CPI da Pandemia aprova relatório final que pede 80 indiciamentos Quero ver quem engavetará mais de 600 mil vidas, diz Aziz sobre relatório Comando da CPI da Pandemia entrega relatório final ao presidente do Senado

 

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://magoonews.com.br/.
Magoo News Publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp