29/08/2021 às 13h26min - Atualizada em 29/08/2021 às 14h00min

Projeto 'Gastronomia do Amanhã' capacita pessoas em situação de vulnerabilidade social, no Pará

4ª edição do projeto vai atender 18 municípios paraenses e inicia nesta segunda-feira (30), em Bagre e Melgaço. As oficinas são gratuitas.

G1
https://g1.globo.com/pa/para/noticia/2021/08/29/projeto-gastronomia-do-amanha-capacita-pessoas-em-situacao-de-vulnerabilidade-social-em-18-municipios-paraenses.ghtml

4ª edição do projeto vai atender 18 municípios paraenses e inicia nesta segunda-feira (30), em Bagre e Melgaço. As oficinas são gratuitas. São 40 vagas disponíveis em cada município.
Divulgação
O Projeto 'Gastronomia do Amanhã', dá início nesta segunda-feira (30) à 4ª edição do programa que profissionaliza e capacita pessoas em situação de vulnerabilidade social com oficinas práticas de mercado e cozinha. As primeiras cidades a receber o projeto serão Bagre e Melgaço, no Marajó. Este ano, 18 municípios, das cinco regiões do Pará, serão contemplados. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas por meio disponibilizadas nos municípios participantes.
As atividades vão até o dia 3 de setembro. Depois de Bagre e Melgaço, será a vez de Portel e Belém, com programação de 6 a 10 de setembro. Santarém, Marabá, Baião, Capanema, Altamira e outras também estão no cronograma, que se estenderá até 29 de outubro.
Em cada local, os moradores que buscam qualificação profissional terão cinco dias de oficinas. A capacitação conta com quatro de aulas teóricas e práticas e, no último dia, o resultado de todo esse processo será compartilhado com o público em uma mostra gastronômica. Os participantes terão direito a certificados ano final do curso.
As inscrições para o projeto devem ser realizadas de acordo com a ação em cada local. São 40 vagas, preenchidas através de uma ficha que ficará disponível em ambiente de fácil circulação no município, como, por exemplo, os centros comunitários.
Aulas
Os participantes aprenderão sobre diversos assuntos ligados à culinária, como o desenvolvimento de ficha técnica para alimentos, técnica de bases de cozinha, segurança alimentar, noção de marketing de produtos e empreendedorismo, este último com o apoio do Sebrae.
Segundo a chef Verena Aquino, coordenadora técnica do projeto, a proposta busca entender a realidade dos locais e das pessoas que vão em busca do projeto. "A linguagem e as aulas são adequadas dentro do que os participantes encontram no dia a dia. Assim, eles se identificam e conseguem colocar em prática o que aprendem. Ao término do curso, já tivemos casos de mulheres que montaram seus próprios restaurantes e hoje possuem renda própria”, afirma Verena.

Fonte: https://g1.globo.com/pa/para/noticia/2021/08/29/projeto-gastronomia-do-amanha-capacita-pessoas-em-situacao-de-vulnerabilidade-social-em-18-municipios-paraenses.ghtml
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://magoonews.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp