Magoo News Publicidade 1200x90
14/10/2021 às 13h03min - Atualizada em 14/10/2021 às 13h03min

Auxílio emergencial de R$ 600 começa a ser pago nesta quinta em MG

O pagamento do benefício vai até o dia 29 de outubro, de acordo com o mês de nascimento do beneficiário. Saiba mais.

O tempo
https://www.otempo.com.br

As famílias mineiras que vivem em situação de extrema pobreza poderão contar um alívio financeiro. Ao todo, o Estado investirá R$ 650 milhões na medida, que visa minimizar os impactos provocados pela pandemia da Covid-19. Os pagamentos ocorrerão em escala, de acordo com o mês de nascimento do beneficiário

As famílias mineiras que vivem em situação de extrema pobreza poderão contar um alívio financeiro. Ao todo, o Estado investirá R$ 650 milhões na medida, que visa minimizar os impactos provocados pela pandemia da Covid-19. Os pagamentos ocorrerão em escala, de acordo com o mês de nascimento do beneficiário

No primeiro dia de pagamento, receberão os representantes familiares que nasceram nos meses de janeiro e fevereiro e que pertencem aos chamados "grupos prioritários", que incluem as mães solteiras e famílias que não contam com o Bolsa Família.

Já nesta sexta-feira (15) será a vez daqueles que nasceram em março e abril receberem o auxílio. Confira ao fim do texto a escala completa dos pagamentos.

O benefício será pago exclusivamente em contas-poupança digitais da Caixa Econômica Federal, a conta “Caixa Tem”.

"Para quem já a possui conta na instituição, o benefício será depositado automaticamente. Para aqueles que ainda não possuem conta na instituição, será aberta uma conta automaticamente, que poderá ser movimentada pelo aplicativo de smartphone", detalha a pasta.

Os beneficiários que tiverem contas correntes ou poupança convencionais na Caixa não poderão ser utilizadas para o crédito do auxílio.

Além disso, aqueles que não tiverem celular para movimentar a quantia, poderão realizar o saque em agências da Caixa ou em Casas Lotéricas, bastando apenas levar um documento de identificação com foto.

Como vai funcionar o auxílio estadual  

Famílias prioritárias
 
Núcleos familiares que não recebem o Bolsa Família e que são cuidadas por mães solteiras. Elas já estão inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico)  
 
Quando

O dinheiro será depositado entre esta quinta-feira (14) e o dia 21 de outubro
 
Valor

Uma parcela única de R$ 600
 
Calendário

Mês de aniversário do responsável familiar | Data de pagamento

Janeiro e fevereiro | 14/10/2021
Março e abril | 15/10/2021
Maio e junho | 18/10/2021
Julho e agosto | 19/10/2021
Setembro e outubro | 20/10/2021
Novembro e dezembro | 21/10/2021
 
Famílias não prioritárias
 
Núcleos familiares que também estão na extrema pobreza, mas recebem o Bolsa Família e não são liderados por mães solteiras  
 
Valor

Uma parcela de R$ 600
 
Calendário
 
Mês de aniversário do responsável familiar | Data de pagamento

Janeiro e fevereiro | 22/10/2021
Março e abril | 25/10/2021
Maio e junho | 26/10/2021
Julho e agosto | 27/10/2021
Setembro e outubro | 28/10/2021
Novembro e dezembro | 29/10/2021

 

Já nesta sexta-feira (15) será a vez daqueles que nasceram em março e abril receberem o auxílio. Confira ao fim do texto a escala completa dos pagamentos.

O benefício será pago exclusivamente em contas-poupança digitais da Caixa Econômica Federal, a conta “Caixa Tem”.

"Para quem já a possui conta na instituição, o benefício será depositado automaticamente. Para aqueles que ainda não possuem conta na instituição, será aberta uma conta automaticamente, que poderá ser movimentada pelo aplicativo de smartphone", detalha a pasta.

Os beneficiários que tiverem contas correntes ou poupança convencionais na Caixa não poderão ser utilizadas para o crédito do auxílio.

Além disso, aqueles que não tiverem celular para movimentar a quantia, poderão realizar o saque em agências da Caixa ou em Casas Lotéricas, bastando apenas levar um documento de identificação com foto.

Como vai funcionar o auxílio estadual  

Famílias prioritárias
 
Núcleos familiares que não recebem o Bolsa Família e que são cuidadas por mães solteiras. Elas já estão inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico)  
 
Quando

O dinheiro será depositado entre esta quinta-feira (14) e o dia 21 de outubro
 
Valor

Uma parcela única de R$ 600
 
Calendário

Mês de aniversário do responsável familiar | Data de pagamento

Janeiro e fevereiro | 14/10/2021
Março e abril | 15/10/2021
Maio e junho | 18/10/2021
Julho e agosto | 19/10/2021
Setembro e outubro | 20/10/2021
Novembro e dezembro | 21/10/2021
 
Famílias não prioritárias
 
Núcleos familiares que também estão na extrema pobreza, mas recebem o Bolsa Família e não são liderados por mães solteiras  
 
Valor

Uma parcela de R$ 600
 
Calendário
 
Mês de aniversário do responsável familiar | Data de pagamento

Janeiro e fevereiro | 22/10/2021
Março e abril | 25/10/2021
Maio e junho | 26/10/2021
Julho e agosto | 27/10/2021
Setembro e outubro | 28/10/2021
Novembro e dezembro | 29/10/2021

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://magoonews.com.br/.
Magoo News Publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp